quarta-feira, 27 de agosto de 2008

É só isto q eu tenho a dizer hoje.

Mahatma Gandhi afirmou que “o grau de civilização de determinada sociedade pode ser medido pela forma como trata os seus animais”.

Grande grande homem!

segunda-feira, 25 de agosto de 2008

Façam xixi antes de ouvir isto - legendado em tuguês

Segunda - folga -

Ponto 1 da Lista de etapas de coisas a fazer no dia de hj, o meu ultimo dia de folga:

- lavar a loiça -> o tó fez isso ontem á noite, obg amor - feito antecipadamente!
- apanhar a roupa -> feito!
- estender mais uma maquina de roupa (q já está agora a lavar) -> feito!
- fazer a cama -> feito!
- limpar o pó á sala -> feito!
- sacudir as almofadas do sofá -> feito!
- arrumar todos os sapatos e tretas que estão fora de sitio pela casa toda -> feito!
- aspirar casa toda + sofá -> feito!
- passar a esfregona pela casa toda (e fugir do Pipoca enquanto o faço) -> feito!
- (no meio disto tudo tenho que tirar o peixe para fazer pó jantar) -> peixe fora de validade, por isso vai ser frango e sim, está a descongelar (15h)
- confirmar o que há e não há em casa para ver a lista de compras a fazer no CO -> semi-feito...
- apanhar a roupa que tiver secado e arrumar a que não for para passar -> ainda só apanhei alguma, de resto nada...
- passar a ferro a roupa que tiver mesmo que ser :s -> txxiiii.. não me parece...
- fazer o almoço -> está-se fazendo...
- desmaiar no sofá e não fazer mais nada o resto do dia, para além de talvez tomar banho -> vai-se e foi-se... de tempos a tempos...

Quero fazer isto tudo até o Tó chegar, ás 13h mais ao menos....

Here I go...........................

(Lista sujeita a actualizações á medida que for feita)

15H - duvido q volte a actualizar... vou entrar em preguiça mode...

segunda-feira, 18 de agosto de 2008

Apenas pq prometi

Tal como disse q faria, venho dizer o q tenho de novo.

Tenho um novo gato. Chama-se Pipoca, é todo preto e deve ter á voltade de 5 meses.
Somos 5 cá em casa. Eu sei, as contas (para quem as sabia ainda) não batem certo. Um dia explico.

Hoje não me apetece dizer mais nada.
Pronto. Calei-me.

sábado, 16 de agosto de 2008

Boa noite

Após alguns formats e 3 dias (quase 4) depois... tenho o computador de volta a funcionar (acho e espero eu...)

Estou exausta, mas pelo menos noites já só para o mês q vem.. apreee....

Tenho uma novidade, mas isso conto amanhã, vou dormir (MILAGRE) de noite agora já! :)

Amanhã conto-vos (se quiserem saber claro).

quinta-feira, 14 de agosto de 2008

Cansadita....

Estou cansada.

Hoje é o quinto dia a fazer noites, falta amanhã, só mais um.
Tentar dormir alguma coisa a pensar no dia de amanhã.

Estou cansada.

Vou dormir, ou tentar. Algo assim.

Bom feriado a quem tiver direito a ele... eu não.

quarta-feira, 13 de agosto de 2008

Uma história real sobre a frieza do ser humano!

E uma história real. Triste, reveladora de desumanidade e preocupante porque espelha o que de mais baixo pode haver no ser humano.

Numa estrada, algures em Portugal, um homem dirigia a sua viatura, conduzindo logo atrás de uma outra que subitamente abrandou a marcha de forma bem significativa, obrigando-o a uma travagem brusca. É então que vê um pequeno "embrulho " ser atirado pela janela do " pendura " tendo caído a uns quatro metros da berma da estrada.

Intrigado o nosso homem resolve parar o automóvel e dirigir-se para o local a fim de constatar o que tinha sido atirado pela janela. E foi com espanto que, ao desatar o nó do saco de plástico, deparou-se-lhe um cachorrinho, ainda bébé, que gania alto.

O homem em causa, de 1,87 m de altura e bem constituído, refeito do espanto e da surpresa, sentiu uma revolta surda que o dominou por completo. Entrou no carro de novo com o cão bébé e arrancou em alta velocidade pela estrada que seguia, tendo conseguido alcançar, ao fim de 15 minutos, a viatura de onde o cachorrinho houvera sido lançado para fora e, numa manobra abrupta mas rápida, fez a ultrapassagem necessária para logo de imediato proceder a uma travagem a fim de conseguir a imobilização da viatura em causa. O que sucedeu.

Saindo do seu automóvel, o homem dirigiu-se para a porta do pendura com o cachorrinho bébé e, para seu espanto, viu que a pessoa em causa era uma mulher.

- Este cachorrinho é seu, não é verdade? -, perguntou ele.

- Não. Deve estar enganado - , respondeu ela.

- Não estou enganado. Vi-a a atirá-lo pela janela fora quando seguia atrás de vós - , continuou ele.

A mulher nada disse, fechando-se num mutismo próprio de quem se sentira apanhada.

Acto contínuo o homem abriu a porta do carro onde ela se encontrava sentada e desferiu duas sonoras e não menos violentas bofetadas no seu rosto. Um homem, que seria o marido da mesma, abre a porta da viatura a fim de tirar o desforço devido e só não fez mais nada porque ouviu a seguinte frase: " A tua mulher levou duas chapadas mas tu, se avanças, não ficas direito ". O marido da senhora resolveu prudentemente fechar a porta do carro e quedar-se no interior.

O homem que tinha o cachorrinho, com voz calma mas que revelava profunda emoção, olhando para a senhora rematou de forma pausada: " É bem verdade que quem não gosta de animais não pode gostar de pessoas ".

O cachorrinho é hoje uma linda cadela de três anos de idade, bem tratada, querida e meiga. O dono dela é o nosso homem que se viu em grandes dificuldades para amamentá-la a biberão em intervalos de duas horas até às seis semanas de vida.

Direitos dos animais? Respeito pela vida? Reconhecimento que a vida é algo que não nos pertence? Tudo isso são conceitos estranhos para uma grande e significativa parte dos homens e mulheres deste mundo. Não podemos, desta forma, admirar-nos do que os homens fazem aos seus semelhantes, porque, na verdade, quem não gosta de animais não pode gostar de pessoas.

Publicada por Associação Amigos Animais de Alberg-a-Velha em Segunda-feira, Agosto 11,

terça-feira, 12 de agosto de 2008

Cantinho de Ajuda aos Animais :da associação amigos dos animais de Sto Tirso

Se me conhecem, sabem que o meu amor e o meu mais sincero e total coração abre-se sempre para com os animais. Perco o numero de vezes que já chorei ao pensar ou ver gatos, cães, etc na rua ao frio, á chuva, com fome e sem carinho ou alguém que os ame tanto quanto eles querem amar alguém.

É um assunto que me fere gravemente e basta pensar nisso para estar neste momento a escrever esta treta e a chorar.. grrrrrr…. Mas já para..

Isto tudo para vos alertar para um blog que ajuda animais com leiloes que para alem de giros, e com coisas baratuxas, é honesto e real. A Cândida é uma pessoa afável e educada, e o simples afecto e amor que demonstra pelos animais por quem tanto luta para ajudar, demonstra que tem no lugar do coração um pote de ouro.

Como tal, já disse e repito: se puderem, ao invés de irem a uma loja pirosa encontrar aqueles brincos, pulseiras, malas ou coisas diversas pirosas… entrem aqui:

http://cantinhodeajudaosanimais.blogspot.com/

Ah, nada de licitar nos que eu já licitei :p É que as poupanças aqui andam parcas e eu também quero puder ajudar J e comprar as coisas giríssimas que ela lá tem.

Volto a dizer, ela é honesta. Não tenham problemas em fazer o pagamento por transferência. Eu fiz. E recebi o que comprei em excelentes condições e sem problemas alguns. Ajudem, porque se há coisas que merecem ajuda, esta é uma delas.

Ela aceita também doações de objectos que tenham a mais em casa para poder colocar a vender ou leiloar e assim angariar dinheiro. Obrigada a quem lá passar ou divulgar J

AH. E faço isto porque quero e não porque mo tenha pedido. Faço-o porque vejo nela uma pessoa 100 estrelas e apoio o projecto, apesar de ser tão tesa quanto ela e vocês :x

Uaaaa.... q sono....

Liberdade de expressão. Gosto. Tem valor, cor e significado.. nunca lhe dei uma dentada, mas acredito que tenha sabor. Infelizmente é muitas vezes mal usada, outras não é usada e demasiadas vezes abusada.

Hipocrisia. Não gosto. Cheira mal. Tem mau aspecto. Não vale um centavo (ou cêntimo). Não tem utilidade nenhuma para além de irritar e demonstrar faltas de carácter ou personalidade.

Cinismo. Detesto. É uma fraca tentativa de dissimular alguma falta intelectual ou emocional. Tem mau hálito. Cheira mal dos pés e por ai além...

E perguntam vocês.. "Que raio anda a gaija a dizer?"

É pah... não sei. Secalhar apeteceu-me dizer o significado de muitas coisas quando mal usadas e a minha opinião sobre elas, ou secalhar não. Secalhar ninguém, eu incluída, vai perceber este post e possivelmente nem será para ser percebido.. ou secalhar é para ser percebido por alguém e esse ou esses "alguéns" já o entenderam.

Entenderam?

É que eu não... (ou sim...)

Vou dormir, estou novamente no horário do morcego esta semana. Beijos

sexta-feira, 8 de agosto de 2008

Cumulos do ridiculo : CP/Metro - politicas de atendimento ao cliente

Tenho mais uma gira pra vos contar.

(Alguém quer uma coca cola enquanto coloco as ideias em ordem? Não? De certeza? Ok..)

Lembram-se de eu ter falado no abuso que é agora com os passes de comboio e metro na linha de cascais (e pelo que sondei, não só em cascais)? Pois como já não há senha, temos que andar com os talões comprovativos de compra sempre, não vá o cartão Lisboa viva desmagnetizar e termos que comprovar ao revisor do comboio (que agora anda de maquineta na pata) ou nas portadas do metro, que o passe é mesmo pago até ao prazo de tempo que for.

Ora e se perdermos ou formos assaltados e perdermos o talão?
Uma coisa lógica, dado o acto de que eles conseguem, através das maquinetas que estão nos gaijos das estações, ver que o passe tem determinada validade (isto antes do passe desmagnetizar ou ir po caralho mesmo), seria emitir uma 2ª via da referida e necessária factura comprovativa da veracidade e caducidade futura do carregamento mensal de 30 dias do passe. Isso era que isto fosse um pais em condições e as pessoas fossem pessoas e não anormais estúpidos e idiotas com merda a fazer de cérebro!

(sim, sei.. fui violenta.. mas que sa foda!)

Depois de me ter sido dito na cara por dois funcionários da CP que não. Que não há uma hipótese de me darem um 2º comprovativo ou até uma merda rascunhada e carimbada pelas patas deles (não vá o diabo tece-las e juntar á sorte e o passe ir pó caralho antes do dia 30 de Agosto)!!!! Depois de só me dizerem “pois.. compreendemos mas não.” E eu pergunto “acha normal? Esta a gozar comigo? Não estão previstas acções para esta situação?” E eles: ”não…” …………………….. “mas pode reclamar por escrito, leve este folheto”. E dão-me um folheto anormal e estúpido aonde posso reclamar. E vou. Mas sei que vai ser mais uma reclamação que não vou receber resposta, ou vão aceita-la com o espírito de critica construtiva e não uma violenta biqueirada – que era o que me apetecia mandar naquela merda toda!

Eu disse e repito! “Se o meu passe não passar nas maquinetas dos revisores ou nas cancelas do metro, EU NÃO PAGO MULTA e exijo que continuar a usufruir do acesso até ao meu tempo terminar!”

E pago eu 10 contos todos os meses aqueles anormais…. Afinal quem é a idiota aqui?

(não se atrevam a responder… grunfff….)

Ah, e para juntar á sorte. Este mês comprei duas vezes o passe do autocarro, porque o primeiro (ainda estou para entender como) se desmaterializou quando coloquei o passe no bolso das calças.. Quando ia par ao usar, já só restavam pedacinhos azuis o que antes era a senha no passe…

This shit keeps getting better and better, isn’t it?!

MILAGREEEEEE!!!!

Conseguiiiiiiiii!!! Depois de quase mês e meio de ter reclamado um defeito ou avaria ou o raio que o parta com o servidor da netcabo e os meus conteudos lá dentro perdidos, ENCONTRARAM-NOS!!!!!!!

Já passei tudinho para o meu PC, não vá eles perderem-nos de novo!
E assim que chegarem as pens drivers de 1GB que ganhei no site PetNet, passo tudinho para o PC:

Next step: deixar de ser preguiçosa e chorona e começar de novo o meu site de culinária que também perdi (eu e não eles) devido ao anti-virus. Ufff... um dos 12 trabalhos de Hércules terá de certeza sido algo assim :x

quarta-feira, 6 de agosto de 2008

O tempo disse ao tempo que o tempo que o tempo tem....

Agora tornando meu e continuando aonde a Grilinha começou: com o tema do tempo.

Há tempo? Para tudo? Haver tempo há, mas para tudo é que não.
Foi por ser tão nova e me ter já dado conta disso que decidi tentar ter tempo. Rouba-lo aonde posso. Torna-lo meu, ainda que não o use comigo.

Escolhi ganhar um pouco menos (mas não muito menos no final de contas e após descontos feitos) trabalhando menos horas, de forma a conseguir compensar o tempo que já perco em transportes para lá e para cá. O sonho da minha vida era um trabalho calmo, que eu goste, perto de casa, e com um salário bom e justo. Não sonho algo, mas sonho difícil, eu sei.

Decidi fazer turnos loucos com voltas de 180º graus para tentar ganhar tempo com o Tó e compensar aquilo que falta em dinheiro no resto. Corro de um lado para o outro, a controlar relógio (que nem uso, mas controlo no telemóvel), a controlar transportes, a fazer contas aos horários e ás filas. Corro e corro e o tempo corre comigo.

No final de contas, há tempo?
Se o há, eu não acho.. e o que tenho sabe-me a tão pouquinho.

Tempo e dinheiro. Se alguém tiver a mais e estiver caridoso, agradeço a oferta para aqui :) retribuirei se um dia tiver de ambos a mais também :)

segunda-feira, 4 de agosto de 2008

AI O CARALHO!!! FODASSSSSSSSSSE!!!

AI O CARALHO!!! FODASSSSSSSSSSE!!!
É a minha única reacção neste momento!

Vou formar um grupo! Uma elite de abate ás pitas malucas armadas em tias! A sério!!! Se há coisa que me tira mais do sério que unhas em quadro negro é pitas histéricas e parvas aos gritinhos com outras pitas ainda mais estúpidas e parvas!!!!

MAS QUE RAIO ANDAM ESTAS MAES E PAIS A DAR OU A INJECTAR NESTA RAÇA HIBRIDA DE AMOSTRA DE SER HUMANO?????

Eu passo-me! Juro! Um dia destes dá-se-me assim um arzinho pela vinheta, deixo de dar ouvidos ao meu anjinho bonzinho no ombro direito e passo a ouvir apenas o diabo chifrudo da esquerda! Pego na cabeça de duas pitas irritantes e faço uma conta de subtrair e BUM!!! Dá uma única cornada e tornam-se em apenas uma tola grande e amassada!

Desculpem a brutalidade, mas em viagens de autocarro como as desta tarde, estes são os meus únicos desejos! Eu já contava de 100 prá frente e de 100 pra trás e a porcaria do autocarro nunca mais chegava á minha paragem e as gralhas não se calavam!!! Eram risinhos! Eram palavras que mais pareciam mugidos típicos de pitas-á-cascais-que-vivem-e-querem-ser-as-proximas-dos-morangos-com-acçucar!!!! Tremo só de pensar que isto seja o único produto de adolescente que esta época/sociedade consiga agora providenciar!

Como ainda me controlo, calei o chifrudo e fiz como boa “portuga”, dei-lhes o meu mais olhar furioso juntamente com uma olhadela para trás, na direcção delas, por cima do ombro – verdadeira arte de contorcionismo, acreditem! Que obviamente só as silenciou em relação á cantoria! Nada a fazer quanto aos restantes comentários em voz histérica sobre “aquele tipo e a coisa e tal na festa da uau e achas mesmo e tal”

AHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH!!!

Arranjem-me xanax sff!... mais viagens destas de autocarro e eu mato alguém. Um dia destas é dia santo! Ai é é! Juro!

domingo, 3 de agosto de 2008

Como o prometido é devido. Disse e ontem fui.

Admito, senti-me frustrada e desiludida ao sair de lá. Por lá refiro-me á feira do livro em Cascais (acaba hoje já agora, fica ali no Visconde da Luz em Cascais). Senti que gastei mais do que queria e trouxe muita pouca coisa. Nem me apetece falar muito do que comprei, mas posso mencionar que o mais caro foi um que o António queria há mto comprar "O Livro de Pantagruel". (só o indice vai da página 1115 até 1191 e é com letra pequenita....!!)

Aquilo é uma bicho enorme! Pesado! Pior que o dicionário de língua portuguesa combinado com um de latim ou algo assim. É verdadeiramente gigantesco! O preço (apesar de ter sido com um desconto de 50%) também foi á sua medida: grandito.. Mas pronto, era um livro que ele queria há muito e eu compreendo querer algo e de repente acha-lo em formato "pechincha".

Resumindo: continuo á espera da feira do livro da Baixa-Chiado. Se alguém souber quando começa, por favor, avisem-me.

Ah, entretanto encontrei dois sítios aonde se conseguem boas pechinchas em livros.

Um deles reverte os lucros para ajudar animais de rua:
http://cantinhodeajudaosanimais.blogspot.com

Já mandei vir 3 livros. Quem quiser, que se despache que estão a acabar os saldos, mas existem sempre montes de coisas á venda para reunir cash para os animaizinhos.

O outro é este: http://www.bibliofeira.com - um pouco confuso, não encontrei muitos dos livros que me interessam, mas gostei da ideia de poder colocar á venda de forma directa e fácil alguns livros que tenho aqui e nunca gostei muito. Ainda tenho que visita-lo melhor.

E já agora, deixo aqui também um anúncio: Se alguém quiser ou tiver para vender livros de BD das colecções: “Baby Blues”, “Zits”, “Rose is Rose”, “Adam” ou “Calvin&Hobbes” (ou até outros que tenham, que sejam deste género de BD), por favor avise-me. De preferência usados ou em saldos :) porque a 11€ cada um, eu vou á falência!!!

Beijos e boa semana a tutti!

sexta-feira, 1 de agosto de 2008

Irei lá estar este Sabado claro.

"Em 2008, a XXIIª edição da Feira do Livro de Cascais decorrerá entre os dias 18 de Julho e 3 de Agosto, de 3ª a 5ª feira entre as 18h e as 24h00 e de 6ª feira a domingo a partir das 17h."
Já agora, se alguém ai souber quando começa a da Baixa-Chiado, avise sff :) Merci!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...